quinta-feira, 14 de março de 2013

Non habemus Chávez, vere habemus papam…

Nos últimos dias fervilharam notícias em todos os meios de comunicação social, tantas que até fizeram muitos esquecer a crise.

Nicolas maduro, candidato à sucessão de Chávez, acredita que o seu antecessor doente de cancro, foi envenenado… Lembremos que o próprio Chávez mencionou que os presidentes sul-americanos Lula, Dilma Roussef, Fernando Ludo e o próprio eram doentes com cancro porque tinham sido alvos de ataque orquestrado pelos E.U.A….

Eu até gosto de teorias da conspiração mas isto é um bocadinho de mais… Esta gente ou andou a ver filmes a mais ou esqueceram-se que o cancro é a doença do século XXI atingindo milhões de pessoas em tudo o mundo e, os líderes, independentemente da nacionalidade, não estão a salvo.

No que diz respeito ao Papa Francisco, estou contente. Todos os católicos estão, porque nós gostamos do papa, seja qual for a sua origem, idade ou nome escolhido…

A surpresa da escolha dos cardeais agradou-me, é bom saber que o conclave deixou o espírito santo falar e não cedeu às pressões para escolherem um Papa mais jovem ou um Papa brasileiro popular entre as massas…

Escolheram um homem simples de 76 anos, qua andava de metro ou autocarro e gostava de ser tratado por padre Jorge.
 
Espero que este homem que sempre demonstrou marcas de caracter, se preocupe com aqueles que “non habem papa”…
 

2 comentários:

  1. Fan de Iphones Chineses!3 de abril de 2013 às 21:53

    Os leitores assíduos querem novos posts!!!

    ResponderEliminar